Métodos naturais de desintoxicação do fígado

Após os excessos dos feriados ou em cada mudança de estação, a desintoxicação do fígado é sempre bem-vinda.

Ele ajuda a restaurar o equilíbrio e livrar o corpo de toxinas. Veja alguns métodos naturais para limpar o fígado e adquiri uma boa saúde!

O fígado: um órgão vital, muitas vezes abusado

O fígado é chamado de órgão "vital". Assim como o coração, cérebro, pulmão, pâncreas e ambos os rins, o fígado é essencial para a vida humana e o seu papel é essencial.

Localizado no abdómen é o sistema digestivo e é caracterizado por quatro funções:

  • Armazenamento
  • Purificação
  • Síntese
  • Produção de bílis

Isso permite que o corpo metabolise os carboidratos e gorduras, mas também serve para eliminar as substâncias tóxicas.

O fígado pode ser afetado por muitas doenças: hepatite , cirrose (resultantes do consumo excessivo de álcool), mas também pedras na vesícula biliar ou esteatose (fígado gordo).

Por isso é necessário adotar bons hábitos alimentares para manter um fígado saudável todos os dias ou apenas aliviar em caso de perturbações nesse caso, nada como um pouco de cura de desintoxicação!

Nada melhor que os chás

Algumas plantas são conhecidas pelos seus efeitos benéficos sobre o sistema hepático. O consumo de chá de ervas é ideal, pois permite aumentar ao mesmo tempo o volume de acumulação de água!

Este é o caso do dente de leão que elimina toxinas através da ativação da secreção da bílis, como genciana ou alecrim.

Isto, é particularmente útil durante um tratamento de desintoxicação, até três xícaras por dia.

A alcachofra também irá estimular o fígado e é o aliado da boa digestão. A atenção, no entanto, é contra-indicada em casos de cálculos biliares. Esses chás de ervas podem ter um sabor bastante forte e é difícil para você tomar sem açúcar, mas, opte por uma colher de chá de mel!

Limão: limpador natural

O limão limpa o corpo e estimula a produção de bílis, aliviando o fígado e auxiliando na digestão. O ideal é usar o suco de limão orgânico.

A famosa agua de limão ou limão fervido em meio litro de água. Para um método menos radical, é possível beber limonada normalmente durante o dia. Em todos os casos, o fígado ganha!